segunda-feira, 7 de março de 2011

Versos de mim...

O "Amor" nas minhas linhas
Respira e adormece em rimas
Meus versos...
Me cansei deles!
São sempre os mesmos "versos"...!
Há falar de quem foi embora
Revelando a minha dor de outrora
Queria me livrar dessa poesia "barata"
De pouca valia...
Pobre e sem garantia
Mas...
Deve ser...
Que vivo a viver e a dizer
Pelo mesmo...  velho e antigo "Amor"
Que me deixou na boca
Um gosto de dor...!
Sei que pareço estar sempre a sofrer
E não minto!
Sofro mesmo... por muito querer...
E bem dizendo...
Amo muito
Esse "Amor" que quase me faz "padecer"
Já é de "tempo"
Essa falta...
Esse lamento...
E tudo que vivo
Sempre me reporta
A "aquele" momento
Que "para sempre" eu disse que te amaria
E me aprisionei nesse juramento

20 comentários:

Mari Amorim disse...

Ser mulher é ser especial,
amiga Sil
Quero abraça-la,e agradecer o carinho e a amizade,neste dia tão especial,seja feliz!
Boas energias,paz,saúde,e luz,
beijos poéticos
Mari

หคтнყ disse...

Que lindo.
Sil,
São esses mesmos versos
que me encantam.

Daniel Savio disse...

Nunca se aprisone a uma promessa, só a felicidade...

E parabéns ao dia de vocês, mulheres.

Fique com Deus, menina Silene.
Um abraço.

Junior Rios disse...

Versos realmente de uma grande alma, de uma grande e talentosa inspiração, versos tão seus...Lindo, Sil!

Bjo


wwwsinparangon.blogspot.com

poesias maria do carmo disse...

oi Sil,tudo bem? passei pra deichar um bjo e feliçitar pelo dia internaçional da mulher.Linda poesia ,parebéns ,como sempre ,inspirada,bjos.

CARLA STOPA disse...

Prisão, só se for por opção...

Cantinho She disse...

Queridonaaaaaaaaaaa passando para te deixar beijo, beijo de feliz Dia da Mulher! ;)
She

Um Cantinho para Sonhar disse...

Sil, vim agradecer o teu carinho, postado no meu Cantinho!
Me encantei com a tua sensibilidade que nos permite ver além das palavras, os teus mais belos sentimentos!
Lindo teu poetar...Parabéns!
Sigo-te com muito carinho!

Feliz Dia da Mulher!!!

Beijos.

Suzy

Xipan Zéca disse...

Sem esquecer da Xita.. é claro!!

Feliz dia da MULHER...

P.S. Isto parece um SPAM mas não é, mesmo sendo.... Apenas quero saudar a todas e são tantos os blogs que meus dedos pedem trégua "só hoje".. rsss

Deusssssssssskiajude
Abraços do Tatto

Jão disse...

Deixe-se liberar querida, quebre as correntes, derrube as paredes. Construa a nova casa, bem arejada, abra a janela e deixe o sol entrar.


Pabéns a você por este dia, que deveriam ser todos.


Beijos!

Andre Mansim disse...

Sil parabens por mais esse lindo texto, parabens por ser essa pessoa tão legal e atenciosa e parabens por seu mulher!!

CARLA STOPA disse...

Claro que sim minha amiga, e adorei ter com partilhado a sua dúvida comigo...Assim crescemos mais e nos tornamos mais cúmplices...Já vivi os fatos e as opções da vida e do amor...E adoro saber que a nossa poesia nos é cúmplice também e nela podemos nos aprisionar e nos libertar, como quisermos ou imaginarmos...Admiro você por estar aberta às diferenças e saber multiplicar os significados...Grande abraço...E parabéns pelo nosso dia.

A.S. disse...

Silene,


Sem liberdade não pode nunca haver amor! Só o amor nos liberta verdadeiramente!!!


Beijos maus,
AL

Paulo Medeiros disse...

Tenho sempre a sensação de que quando tu escreves, tu estás debruçada sobre o computador com os olhos gotejando lágrimas. Seus versos são de uma sensibilidade e uma força. Parabéns pelos versos e pelo seu dia!!!

Daniel disse...

Sil, mulher extraordinária!
Há juramentos que devem ser quebrados se nos fazem mal!
irei postar menos de hoje em diante, apenas a cada 15 dias, visto que estou com pouco tempo e quero que a qualidade dos textos continue as mesmas. Ainda quero saber o seu segredo de postar quase todos os dias e cada dia, superar ainda mais, o dia anterior em qualidade. Tudo o que posta, me faz pensar , me faz ver que mulher maravilhosa tu és. E todos os adjetivos que eu possuo em meu bolso não são dignos de tão ilustre coração. Hoje eu to alegre, estou feliz porque vim aqui, mas não quero te ver sofrer nunquinha. Adoro seus versos, um dia quero um livro, assinado por suas mãos com eles, pra poder relaxar e lê-los em sua complexidade. Ok? Prometa-me.

Te adoro doce amada amiga,
que os dias apenas te façam
completa e melhor do que já és,
é possivel?
beijos

Dan

Aleatoriamente disse...

Sil, parabéns!
Um beijo querida.

Fernanda

Geraldo "Poeta louco" disse...

Sil, Estava com muita saudade, amenizou um pouco lendo este lindo poema. Você é sempre novidade, você é sempre Mulher, se renovando em cada conto, e nos iluminando em cada ponto.

Beijos!!!

Diego Marques disse...

Muito lindo seu poema, que é mais uma aclamação por liberdade que expressão de amor!

Eric Felipe disse...

Apesar de um pouco tarde, e de o dia já ter virado... passei aqui para te parabenizar, Sil, por seres essa mulher incrível e amável, guerreira e repleta de sentimentos nobres e contagiosos. Você é muito especial para mim; estive pensando em você nesses dias...

E quanto ao seu poema.. incrível!
Achei muito inteligente, e ainda mais romântico que sempre, com uma pitada de "autocrítica". (Me identifiquei rs)

Grande beijo, querida amiga e mãe!

J.W disse...

ai, eu me encantei mesmo
adorei vc falando que seus versos são sempre os mesmos, ficou bem legaal!

abraço. e saudades ein